Café como combustível da enfermagem

0
101

Maio é considerado o mês da Enfermagem. No calendário, acontecem três datas importantes: Dia do Enfermeiro e Dia Internacional da Enfermagem (12/5), Dia de Valorização da Enfermagem (17/5) e Dia do Técnico de Enfermagem (20/5). Todos os anos essas datas são muito lembradas pelas entidades profissionais e também pela sociedade, mas em especial neste 2020, esses profissionais estão sendo reconhecidos por estarem na linha de frente do combate ao Covid-19.

Assim como em outras profissões, o café é um combustível para todos que atuam na Enfermagem. Segundo enfermeiros e técnicos, o café é a melhor forma de manter os profissionais alertos e estimulados para os desafios da saúde todos os dias. A presidente do Sindicato dos Enfermeiros do Rio Grande do Sul, Cláudia Franco, afirma que toma cafés de todos os tipos, mas sempre que pode toma um espresso. “Eu sempre digo que a enfermagem não tem sangue na via – tem café”, comenta a enfermeira e dirigente sindical.

O enfermeiro Rafael Melo atua no Grupo Hospitalar Conceição (GHC) e diz que toma em média 1 litro de café por dia. “O cafezinho é um momento de descanso e também de integração entre os colegas”, analisa. Janaína Rodrigues, que também é enfermeira no GHC, afirma que o café é bebida que dá ânimo.

Cláudia Carina Santos, enfermeira no Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA) avalia que o café é como uma válvula de escape. “Se o plantão está difícil, o café acalma; se está agitado, dá força; e se está triste, sempre tem alguém para nos trazer um café com uma palavra de amizade”, compara.

“Se o plantão está difícil, o café acalma; se está agitado, dá força; e se está triste, sempre tem alguém para nos trazer um café com uma palavra de amizade”

HCPA: enfermeira Cláudia e suas colegas do turno da noite

Linha de frente da pandemia

A ONU decretou 2020 como Ano Internacional da Enfermagem, em função do bicentenário da fundadora da profissão, Florence Nightingale. Essa escolha ganhou proporções ainda maiores com a chegada do Coronavirus, que evidenciou a importância desses profissionais.

Além de atender de forma incansável a população, esses profissionais têm colocado em risco suas próprias vidas e de suas famílias atendendo os casos suspeitos e confirmados do Covid-19. De acordo com dados do Conselho Federal da Enfermagem (Cofen), até o momento foram registrados 98 óbitos e 12 mil enfermeiros e técnicos afetados pela doença.

“Esse é um momento único de valorização da enfermagem, mas queremos mais do que aplausos”, conclui a presidente do SERGS, Cláudia Franco. Segundo ela, a enfermagem precisa ser valorizada por governantes e lideranças das instituições de saúde, com condições de trabalho adequada para poder atender a população, pois afinal essa é a arte do cuidado com as pessoas.

Cláudia, que trabalha na atenção básica no município de Eldorado do Sul, na Grande Porto Alegre, conta que atendeu uma senhora de 86 anos, asmática, com suspeita de Covid-19. “Eu a acompanhei no trajeto do posto até o hospital na ambulância e segurei na sua mão. Foi assim que passamos os 30 quilômetros da viagem. Não sei se salvei ela, mas posso dizer que ganhei o dia”, relata.

Isso é a arte do cuidado na prática, um conforto semelhante ao que o café proporciona.

Bolo de Café da Enfermeira Cláudia

Além de tomar muitos cafés, a enfermeira Cláudia Franco prepara também um delicioso bolo de café. E compartilha com o Café Combustível essa receita, confira:

Ingredientes

  • 2 ovos
  • 1xicara de açúcar
  • 1/2xicara de óleo, uso canola
  • 2  xícaras de farinha de trigo
  • 1 xícara de chocolate 70%
  • 1 xícara de café passado forte pode ser quente
  • 1 colher de fermento em pó
  • 1 colherinha de chá de bicarbonato
  • Raspas de laranja

Modo de preparo

  • Bater claras, acrescentar as gemas, o açúcar e o óleo.
  • Em colheradas colocar a farinha misturada com chocolate intercalando com o cafe,depois fermento e bicarbonato.
  • Raspas de laranja.
  • Colocar em forma de bolo inglês e depois forno pré aquecimento 180 graus.
  • Fazer uma calda de chocolate ou um ganache de chocolate.