Brasil faz gols na Copa do Mundo do Café

0
173

Do Brasil, não apenas a seleção de futebol fez bonito na Europa ao se classificar para a segunda fase da Copa do Mundo disputada na Rússia. A delegação nacional presente na World of Coffee 2018, em Amsterdã, na Holanda, de 21 a 23 de junho, ampliou sua representatividade e o volume de negócios realizados. Os 28 empresários que participaram da principal feira do setor no continente europeu fecharam US$ 26,107 milhões em negócios presenciais. São previstos mais US$ 209,551 milhões ao longo dos próximos meses.

A participação nacional, que integra o plano de ações do projeto setorial Brazil. The Coffee Nation, desenvolvido em parceria pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e pela Associação Brasileira de Cafés Especiais (BSCA), teve foco na apresentação e na degustação dos cafés especiais de diversas regiões do País, oferecidos em sessões de cupping com finalidade comercial e como experiência de conhecimento a respeito dos grãos brasileiros destinada ao público visitante, contendo informações e degustações da bebida nos métodos filtrados e espresso.

De acordo com a diretora da BSCA, Vanusia Nogueira, o planejamento desta ação foi estruturado para evidenciar a imagem de sustentabilidade, sofisticação e de futuro da cafeicultura brasileira, fortalecendo o respeito a questões ambientais, sociais e econômicas através de informações e imagens do posicionamento Brazil. The Coffee Nation. “O Brasil teve presença marcante na World of Coffee, destacando a nossa imagem de fornecedor de cafés de alta qualidade em quantidade, posicionando-nos de forma emblemática frente aos principais concorrentes, como se pôde observar pelo crescimento no volume de negócios realizados e previstos para os próximos 12 meses”, destaca.

World Barista 2018
Simultaneamente à feira, 56 campeões de todo o mundo se encontraram em Amsterdã para quatro dias de competição no World Barista Championship 2018, a Copa do Mundo para os baristas. O Brasil foi representado pelo campeão nacional Thiago Sabino, da torrefação Cafés Especiais do Brasil, do Grupo IL Barista, que contou com o apoio da BSCA na competição. Sabino encerrou o certame como o 34º melhor barista do mundo, alcançando um bom desempenho durante as provas. A vencedora da competição foi Agnieszka Rojewska (foto), que representou a Polônia pela sexta vez no World Barista Championship e se sagrou a primeira mulher a vencer o campeonato mundial.

Brazil – The Coffee Nation
O projeto setorial é desenvolvido em parceria por BSCA e Apex-Brasil e tem como foco a promoção comercial dos cafés especiais brasileiros no mercado externo. O objetivo é reforçar a imagem dos produtos nacionais em todo o mundo e posicionar o Brasil como fornecedor de alta qualidade, com utilização de tecnologia de ponta decorrente de pesquisas realizadas no País. O projeto visa, ainda, a expor os processos exclusivos de certificação e rastreabilidade adotados na produção nacional de cafés especiais, evidenciando sua responsabilidade socioambiental e incorporando vantagem competitiva aos produtos brasileiros. Iniciado em 2008, a vigência do atual projeto tem como mercados-alvo: Alemanha, Austrália, Canadá, China, Coréia do Sul, Estados Unidos, Itália, Japão, Noruega, Nova Zelândia, Polônia, Reino Unido, Rússia, Taiwan (Formosa) e Turquia para os cafés crus especiais; e Argentina, China e Estados Unidos para os produtos da indústria de torrefação e moagem.

Foto da capa: Sobrepor Imagens